⚡️ FRETE GRÁTIS nas compras a partir de R$199 | Frete Fixo R$9,90 para todo o Brasil⚡️

Julho Sem Plástico: 6 formas de reduzir o consumo

Julho Sem Plástico: 6 formas de reduzir o consumo

O movimento começou em 2011 quando a  equipe do Earth Carers Waste Education, na Austrália, criou a campanha Plastic Free July. A ideia principal era diminuir o uso de plástico nas rotinas diárias durante o mês de Julho. Hoje, o movimento já disponibiliza diversas informações sobre o descarte de diferentes tipos de resíduos, sejam eles recicláveis ou orgânicos. 

 E se você ainda se pergunta se um canudinho utilizado no restaurante, ou supermercado realmente fazem a diferença, a resposta é sim! Para você ter uma noção, o Brasil é o quarto maior produtor de lixo do mundo – perdendo apenas para os Estados Unidos, China e Índia. Além disso, nosso país recicla apenas 3% de todo esse lixo produzido. Cabe a nós lutar para mudar esse cenário. 

Confira alguns dados alarmantes sobre o plástico no mundo:

  • Dados da WWF Brasil (Sigla em inglês para Fundo Mundial da Natureza) apontam que, somente em 2019, foram geradas 11,3 milhões de toneladas de plástico. Dessas, apenas 145 mil, ou seja, 1,3% são recicladas em território nacional;
  • Estudos feito pelo Atlas do Plástico sobre a quantidade de lixo em 170 praias brasileiras mostram que 54% delas está poluída ou extremamente poluída. E ainda de acordo com a pesquisa, o Brasil ocupa a 16ª posição no ranking dos maiores poluidores do oceano por plástico;
  • Cada brasileiro produz 1 kg de lixo plástico por semana;
  • O Brasil produz 11.355.220 milhões de toneladas de lixo plástico por ano;
  • 2,4 milhões de toneladas de plástico são descartadas de forma irregular;
  • 7,7 milhões de toneladas ficam em aterros sanitários;
  • Dentre os maiores produtores de lixo plástico, nosso país é o que menos recicla;
  • Quase metade de todo o plástico produzido até hoje no mundo foi fabricado a partir do ano 2000;
  • Mais de 18 bilhões de quilos de plástico descartado em regiões costeiras vai parar nos oceanos todos os anos.

E o que posso fazer para ajudar? A seguir, nós te apresentamos 6 alternativas para você reduzir o uso de plásticos no dia a dia.

  • Prefira embalagens de papel, vidro e papelão. Além de mais resistentes, esses materiais são duráveis e recicláveis. 
  • Carregue uma garrafinha de água. Assim, você evita o descarte de garrafas pet ao longo do dia, e ainda economiza!
  • Compre mais alimentos a granel e menos produtos embalados. Ao comprar a granel você pode levar de casa saquinhos de tecido e potes reutilizáveis, e evita as embalagens fracionadas dos produtos embalados do supermercado. 
  • Utilize uma ecobag quando for às compras. Alguns estabelecimentos já até cobram pelo uso de sacolas plásticas para evitar que o consumidor as use. Além de que hoje em dia já existe uma mais linda que a outra pra você carregar por aí. Não tem porque não usar, né?
  • Carregue um canudinho de metal. Ainda hoje, é comum que os estabelecimentos ofereçam os canudos de plástico, ou ainda os de papeis, que apesar de menos prejudiciais ao meio ambiente, ainda são descartáveis. Com o simples ato de carregar um canudinho de metal, você ajuda a salvar milhares de tartarugas. Ah, e se for possível, que tal carregar talheres na sua bolsa também? Todos os bens duráveis são preferíveis aos descartáveis.
  • Cuidado com os microplásticos: opte sempre por cosméticos livres de plástico em sua composição. Além dos sintéticos fazerem mal à você, eles vão parar diretamente nos oceanos e afetam a vida marinha. Por sinal, estima-se que até 2050 terá mais plásticos do que peixes nos oceanos. Então usar um shampoo livre de parabenos (plásticos) pode ser um bom primeiro passo para você ajudar a reverter esse quadro.

E você, tem alguma outra dica para reduzir o consumo de plástico no dia a dia? Divide com a gente nos comentários!


Algumas fontes utilizadas para a retirada de dados:

1 comentário

  • Temos várias formas de reduzir os plásticos no nosso dia a dia. Compostagem, absorventes de pano ou copinho, bucha vegetal para lavar a louça…

    Letícia Reis

Deixe um comentário

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados

Pesquise no nosso site

Carrinho

Seu carrinho está vazio no momento.